Economia Da Rússia 2

Economia Da Rússia

a Rússia passou por sérias mudanças desde o fim da União Soviética, saindo de uma economia inventada centralmente, para uma economia de mercado globalmente integrada. O veloz processo de privatização, incluindo um sistema de empréstimo para a compra de ações, permitiu a formação de “oligarquias” económicas com fortes relações políticas, que deixaram a propriedade das organizações privatizadas altamente concentrada nas mãos de poucos. A China, o Japão, a Suíça e a Arábia), acrescento das exportações, da geração agrícola e da indústria de bens de consumo. A rússia inicia a transição da era soviética com vantagens e obstáculos.

1990 situavam-se à URSS como um dos maiores produtores mundiais em quase todos os domínios agrícolas e pecuários. A União Soviética era a primeira produtora mundial de cevada com 70 milhões de toneladas, centeio 15 milhões, aveia, 15, linho 0,cinco entre sementes e fibras, soja 0,cinco e beterraba açucareira, com 60 milhões. Mas só com a metade do tamanho da antiga economia soviética, a economia russa acrescenta um dinâmico formidável.

A nação tem grandes provisões de muitos dos recursos naturais líderes mundiais mais valorizados, de forma especial aqueles necessários pra apoiar uma economia moderna industrializada. Também, ele tinha uma mão-de-obra instruída com maestria substancial técnica. Após as reformas de Gorvachov o PIB estagnou. O regime de Gorbachev falhou em manter os objetivos fundamentais. No momento do desmoronamento da União Soviética, o governo de Boris Yeltsin, da Federação Russa, tinha começado a atacar os defeitos.

Esta incerteza também se traduziu por uma recessão econômica que culminou em 1998, que foi marcada por uma enorme desvalorização do rublo e um defeito sobre a dívida russa. Ao declinar da produtividade, devido às reformas de mercado, uma taxa de câmbio fixa entre o rublo e as divisas estrangeiras para impossibilitar a desordem pública e défice orçamental foram os antecedentes da derrocada. A economia russa sofreu uma grande tensão no momento em que se transformou de uma economia planificada para um sistema de livre mercado.

  • 5 Related Posts
  • Lista como Sob Vigilância por RSF em 2008, 2009 e de novo a começar por 2011 até o presente.[4]
  • Utiliza a rede para humanizar sua marca expondo o teu trabalho e o seu público
  • É imprescindível estar concentrado às novas tendências
  • 2002: 74%

Entre 21 e 24 de setembro, a Rússia se viu envolvido numa onda de protestos conhecidos em defesa dos Deputados presos na Casa Branca, muitas delas ultrapassaram os quarenta 1 mil manifestantes. O programa era ambicioso, o ajuste da economia às regras do mercado exigiu grandes esforços.

Provocou a queda da criação industrial e agrícola, gerando uma recessão em diferentes âmbitos da vida da sociedade russa. O PIB caiu em torno de um -6.9% em 1996, sendo o seu volume de 2256 bilhões de rublos (625 1 mil milhões de dólares). O PIB per capita caiu pra 4288 dólares. A geração industrial caiu 25% na área de energia elétrica (-12%) de combustíveis (-33%).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima