Esquecido E Ignorado Por seus Contemporâneos 2

Esquecido E Ignorado Por seus Contemporâneos

Florença, 3 de maio de 1469 – Idem, 21 de junho de 1527) foi um diplomata, oficial, filósofo, político e escritor italiano, considerado o ” pai da Ciência Política moderna. Foi portanto mesmo uma figura relevante do Renascimento italiano. Entre 1494 e 1512 esteve a cargo de um escritório pública e visitou numerosas cortes pela França, pela Alemanha e em outras cidades-estado italianas em missões diplomáticas.

Em 1512 foi aprisionado por um breve tempo em Florença, e depois foi preso e enviado a San Casciano. Morreu em Florença, em 1527, e foi sepultado em Santa Cruz. Sua existência poderá ser dividida em 3 períodos, qualquer um deles representa em si mesmo a história de Florença.

Sua juventude, o que coincidiu com a grandeza de Florença, como potência italiana, ante o mandato de Lorenzo de Médici. A queda dos Médici em Florença aconteceu em 1494, o mesmo ano em que Maquiavel se integrava no serviço público. Durante a sua carreira como funcionário público, executa significativas postos em Florença, que foi livre perante o governo de uma república, que durou até 1512, no momento em que os Médici, retornaram ao poder, Maquiavel, perdeu teu posto. Os Médici, que governou Florença em 1512 até 1527, no momento em que foram outra vez retirados do poder.

Embora se têm poucos registros de tua juventude, Florença e, naqueles dias, era tão bem conhecida que é simples idealizar o recinto em que o jovem cidadão se desenvolvía. Florença era uma cidade com duas correntes opostas, uma representada pelo austero Girolamo Savonarola e a outra por Lorenzo de Médici, amante do esplendor.

  • Wood, Ralph W., “Diversos Orchestral Works”
  • 1992-1996: Trilogia das Marias[editar]
  • Marily (Calixto Ochoa)
  • Capítulo 3×202 (681) – “Portas Que Se Fecham”
  • O homem que floresceu e As times goes by
  • 14′ Parece que saem da caverna rabuda
  • Hoje você é tão sexy. As criancinhas voltam-se para ver-te
  • Um dos melhores protagonistas gay: Steven Traynor no “Top 10: the Forty-Niners” de Moore

Embora o poder de Savonarola sobre as fortunas florentina era imenso, não parece ter sido muito significativo para Maquiavel, uma vez que só é mencionado em O Príncipe como um jovem profeta desarmado. Por outro lado, a magnificência do mandato de Lorenzo impressionou fortemente a Maquiavel, chegando mesmo a prestar O príncipe ao neto de Lourenço.

Maquiavel foi considerado um dos grandes escritores do seu colégio. Era um escritor e foi um militar muito famoso e que influenciou o humanismo. Sua primeira função foi em 1499, pra Caterina Sforza, “minha senhora de Forli”, em O príncipe, de cuja conduta e sorte, Maquiavel extraiu a moral: “é melhor obter a certeza das pessoas que confiar pela força”.

Será um conceito muito respeitável para Maquiavel, e é designado em diversas maneiras, como de vital importância para aqueles que querem ostentar o poder. Em 1500 foi enviado à França pra convencer Luís XII a conveniência de continuar a disputa contra Pisa. Será este o rei que, em sua política com relação à Itália, comete os cinco erros capitais do poder resumidos em O príncipe.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima