Morre Manuel Sánchez, O 'ator Eterno' Que Participou Got Talent 2

Morre Manuel Sánchez, O ‘ator Eterno’ Que Participou Got Talent

Era um “artista desperdiçado”, como ele mesmo se definia. Um homem que, com mais de 80 anos e queria ser ator, e demonstrar o seu talento. Manuel Sánchez conseguiu cumprir o sonho de tua vida:” subir ao palco do Got Talent 3 e tomar em tão alto grau o público como a júri. Aquele “Poema do palhaço”, caló fundo entre os espectadores que se impressionaram com a tua análise.

Agora Telecinco quer render-lhe uma emotiva homenagem depois de tua morte. Aos 89 anos. Manuel conseguiu que a sua mensagem por completo fundo: os sonhos são capazes de tornar-se realidade. Nunca é tarde. E para esse octogenario não o foi. Manuel, poderia ter sido um amplo ator, deste jeito escolheram os jurados de Got Talent após ver seu emocionante atuação com “Poema do palhaço”. Não obstante, dedicou toda a tua existência ao universo das adegas.

  • “a Sua forma de ver as coisas eu te amo”
  • Fórum: sua Opinião sobre a atualidade do Raio
  • você Me faz um favor?, nunca saia da minha existência
  • Olhar a todo o momento nos olhos
  • cinquenta Mr. Bean (animació)

Embora o que realmente amava era o teatro. Com toda essa existência para trás e dotado de um amplo talento, Manuel demonstrou suas habilidades como ator com uma interpretação a respeito um palhaço que estava e perdia a sua filha quase simultaneamente. O júri, abatido, soltou frases como: “eu Admiro a tua memória”, “o senhor Nos deu uma lição” ou “Eu tenho assunto para não lacrimejar”.

em consequência a essa atuação, Manuel conseguiu 4 ‘Sim’. Lembre-se de como foi aquele momento mágico. Naquela oportunidade tão vasto pra poder fazer o que mais gostava acababou quando a doença o impediu de continuar no Got Talent. Teve que abandonar o concurso. E desde deste modo, sua existência foi debatido entre a vida e a morte, até que finalmente, prontamente falecido.

Desde o concurso de talentos e Telecinco não quis deixar atravessar a oportunidade de render-lhe uma encantadora homenagem, lembrando o que o Manuel era um enorme ator. Sua mensagem abundante em entusiasmo -” nunca é tarde para fazer o que você quer fazer”-, calaron fundo na memória de todos.

Para esse tempo, os elementos básicos da origem de Superman agora estavam definidos e Weisinger capitalizó com eles. Weisinger e seus escritores deram super-heróis de uma história e de uma família criada em um universo calabouço para os leitores. As histórias postadas perante Weisinger permaneceram como a apoio para a origem de Superman pela Idade do Bronze. Mas quando Julius Schwartz, obteve o posto de editora de Superman, em 1970, a continuação instituída pela década de 60 se havia perdido.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima